segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

O Amor e o Mar de Jussara Silveira e Luiz Brasil

O Andante desta semana, último inédito do ano, recebe ninguém menos do que a mineira de Nanuque mais baiana deste país. Como você mesmo vai poder assistir na televisão, Jussara Silveira mostra a sua brasilidade contando as diferentes raízes que a atribuem. O programa já abre com um refinado clipe gravado em Luanda, de um achado de Jussara, que é a música Carapinha Dura, de Teta Lando, um músico angolano. O bate-papo aconteceu no Espaço Rio Carioca, um dos cantinhos que nossos convidados gostam de frequentar no Rio de Janeiro. Luiz Brasil, grande parceiro de Jussara em praticamente todos os seus cinco discos (menos um deles), foi presença indíspensável na entrevista não só por sua grandiosidade como músico e compositor, como também por ter dado um show para nós. Os dois nos contam histórias de "andanças" que vão desde Caymmi até Hollywood (ficou curioso né..) estendendo viagem a Portugal e Angola, mergulhando entre o amor e o mar e, claro, por todo este brasilzão afora. Imperdível, como a música de Jussara Silveira e Luiz Brasil juntos no Andante!

Jussara Silveira é a Andante dessa semana
Participação especialíssima: Luiz Brasil
Terça-feira - 18/12/2007 - 21h
Sábado - 22/12/2007 - 16h
UTV - Canal 16 Net Rio

***em 2008 aqui no blog

Para ver e ouvir - Jussara Silveira

Aqui estão os clipes da Jussara Silveira, que ela mesma nos autorizou a colocar aqui no blog. Querida como sempre! Então, aproveitem. A qualidade do trabalho é muito boa e as imagens estão lindas. Este é para começar o fim de ano em grande estilo. Espero que gostem!

A Volta da Xanduzinha (Tom Zé) - Em Luanda.

video

Carapinha Dura (Teta Lando)

video

A Volta da Xanduzinha (Tom Zé) - Na Bahia

video

Para ver as Meninas

Sábado passado, dia 15, fomos fazer um programa memorável. Por vários motivos. Primeiro, porque no saguão do Teatro Nelson Rodrigues já encontramos logo de cara Marcos Sacramento e seus memoráveis sambas com Maria Braga, memorável produtora! Dali pra frente seria só emoção, pura emoção. No palco nada menos do que As Três Meninas do Brasil. Isso mesmo! Inspirada nos versos de Meninas do Brasil, de Moraes Moreira e Fausto Nilo, de 1980, Teresa Cristina insistiu em reunir a maranhense Rita Ribeiro e depois a mineira/baiana Jussara Silveira e a roda estava começando a formar. Para completar, músicos de primeira linha liderados pelo maestro Jaime Alem, há 20 anos com Maria Bethânia. O que esperar de um encontro como esse?



Enquanto as pessoas ainda se acomodavam na platéia vejo de longe Moraes Moreira, ele mesmo, indo prestigiar as suas meninas do brasil. No palco, uma bandeira do Brasil era formada por flores de papel dando toda a cor e o tom do show que iria começar.

As três meninas arrasaram num encontro muito equilibrado de personalidades, onde a Teresa que é a mais quietinha (só no palco, pois fora deles e em entrevista ao Andante é uma das cantoras mais extrovertidas que já entrevistei - assista), chamou Rita que é mais teatral e Jussara que equilibra as diferenças entre as duas com sua leveza e delicadeza misturadas com uma feminilidade que se destaca. Quando Teresa canta com Rita uma música que fala sobre a eterna insistência da mulher em fazer chapinha no cabelo, ela dá um "tapa" na cara de quem a critica e acha que ela tem que ficar dando piruetas no palco para fazer mais sucesso ou ter mais destaque. Quem pode pode. E Teresa mostra tudo isso com muita competência e profissionalismo. Que dirá Paulinho da Viola, Chico Buarque (avesso a shows) que não precisaram virar trapezistas num palco que não é o circo para agradar meia dúzia de gatos pingados acometidos pela cegueira da indústria cultural. Elas estão certas e no caminho certo, que sempre será cercado de flores como as que estavam lá no palco, na voz e na interpretação destas novas divas da nossa música. Sem pretensão, brincando no palco, amigas. Enquanto elas recebem críticas, estão produzindo, anos luz à frente dos atrasados no mundo das picuinhas. "Coragem grande é poder dizer sim", como já dizia Caetando, "nú com sua música". Por falar nisso, a produção artística do show é do baiano Jean Willis, que para quem não lembra, foi o vencedor de algum dos Big Brothers, mas que também foi o único ser com cérebro no programa. O que é demonstrado quando a gente vê que ele está apoiando a nata da música brasileira. Desde que mantenha esta linha, claro.

O Andante, humildemente, já fez este encontro das três meninas, mas obviamente, separadas. Já entrevistei Teresa Cristina, na própria casa, em Copacabana (já disponível aqui no Blog), Rita Ribeiro, no Forte de Copacabana e Jussara Silveira, nas Casas Casadas em Laranjeiras. Em breve as entrevistas estarão aqui no blog. Por hora, esta semana Jussara Silveira, muito bem acompanhada por Luiz Brasil, é a nossa Andante na TV. Não perca.

quinta-feira, 6 de dezembro de 2007

Samba na livraria

Sábado é dia de samba memorável no charmoso Centro do Rio. Para você que mora aqui ou está passando por aqui, é uma boa pedida. Gabriel do Cavaco e Tiago Prata (excelente 7 cordas) comandam uma roda de samba marcando a Re-inauguração do Restaurante Antigamente. Cultura pura já que simultaneamente a livraria Folha Seca irá lançar o livro Arte Afro-Brasileira, de Roberto Conduru, da editora C/Arte. Quem foi no último samba, comandado por estes craques regado à lançamento do disco de Zé Luiz do Império e lançamento do livro Noites de Sábado, do jornalista Luis Pimentel, sabe o que estou falando. Até padrinhos de casamento da igreja que fica ao lado da rua caíram no samba e deram um caldo para a roda...Tudo de bom pode acontecer por lá, no mínimo um bom samba e uma boa leitura...
Até!

Onde: Livraria Folha Seca
Rua do Ouvidor, 37 - Centro - Rio de Janeiro
Grátis
(21) 2507-7175
Lançamento a partir do meio-dia
Samba a partir das 15h

segunda-feira, 3 de dezembro de 2007

A nova história do samba com Marceu Vieira e Tuninho Galante

O Andante desta semana está diferente. O show é por conta de dois compositores de primeira. Marceu Vieira é jornalista, compositor e parceiro de Tuninho Galante, produtor musical dos feras, que faz as melodias e quem, segundo Marceu, muitas vezes inspira as letras inteligentes e humoradas da dupla. Fui até o estúdio de Galante, em Ipanema, onde, vejam só, até uma árvore, um cedro-rosa (no meio da Visconde de Pirajá, selva de prédios..) desfila imponente e enche a janela do estúdio de inspiração. O cedro-rosa já ganhou até uma música, que em breve vou disponibilizar aqui o mp3 para você ouvir. O papo com Marceu e Garante foi repleto de Rio de Janeiro, de alma carioca, de cara do carioca e de reflexões sobre tom das composições deles, que já passam de cem!

Eles falam de coisas que nos lembram Noel Rosa logo na primeira impressão, narram fatos e histórias que geralmente não estão nas músicas, mas com o grande detalhe de serem desta nova geração que nos enche de orgulho de ser brasileiros...O interessante é que os dois nasceram no mesmo lugar, frequentaram a mesma universidade, mas só se conheceram no lendário Bip Bip, do querido Alfredinho, em Copacabana. Estas e outras histórias você vê no Andante.

Terça-feira, dia 4, você pode assistir o programa pela TV ou ir assistí-los ao vivo, no Centro Cultural Carioca, no charmoso centro do Rio. O terceiro show de Marceu e Tuninho irá contar com muitas participações especiais, entre elas, a belíssima voz de Ana Costa, Mariana Bernardes e Nilze Carvalho.

Vida longa ao samba!

Aliás, você deve estar estranhando que não fizemos nenhuma homenagem em especial ao Dia Nacional do Samba, mas quero dizer que, com muito orgulho, homenageamos praticamente toda semana este gênero tão brasileiro, tão carioca, tão farto e tão bom! É por isso. Nossa homenagem é permanente, como o samba merece!

**programa exibido em 4/12/2007
***em breve disponível aqui no blog

quarta-feira, 28 de novembro de 2007

Samba do velhinho - Vinícius de Moraes

Andantes. Acabo de chegar do trabalho e no caminho estava ouvindo a Rádio Roquete Pinto, aqui do Rio de Janeiro, que por sinal está excelente, qualidade lá no alto. Ouvi uma história tão bacana que resolvi entrar aqui e postar para vocês, talvez nem todos conheçam. O nome do programa é "Eles tem histórias para Contar" e é sempre apresentado por alguém diferente, um pesquisador, um jornalista, um músico, enfim, infelizmente não consegui ouvir quem é que estava apresentando, mas ele contou uma história que ficou na minha cabeça. Era sobre Vinícius de Moraes. O locutor colocou o áudio de uma reunião na qual Vinícius estava na casa de Amália Rodrigues e um amigo perguntou sobre uma composição do poeta. Vinícius então contou que era 3 ou 4 da madrugada e ele resolveu fazer um samba, que estava inspirado e iria fazer naquele momento. Mas, de repente, começou a ouvir um choros, como se fosse de velhinhos, numa porta ao lado. Saiu para ver, uma fresta estava aberta, e não deu outra. Tinha um senhorzinho morrendo, gemendo, e um monte de velhinhas em volta, conta Vinícius. Aí ele diz - "Voltei pro quarto e fiquei ali olhando, pensei: que morte mais tranquila..." e entre risos dos portugueses que ouviam a história, ele continua - "Não conseguia mais fazer o meu samba, fiquei ali parado pensando na morte do velhinho, mas o samba foi mais forte, ele queria sair e comecei a pensar no significado de tudo aquilo. Tempos depois eu voltei ali e o velhinho já tinha morrido...". Este samba é o Pra que chorar, com Baden Powell, que curiosamente tem uma temática completamente diferente da que o inspirou. "É um samba muito pra cima, muito alto astral, não sei como consegui compor". É isso aí andantes. Mais uma história da nossa música.

Prá que chorar / Se o dia vai raiar / E o sol já vai aparecer / Prá que sofrer / Se há sempre um novo amor / Antes de o sol se pôr / Prá que chorar se existe amor.....

terça-feira, 27 de novembro de 2007

O sopro do Lobo - Mauro Senise

Mauro Senise é, sem dúvida, um daqueles gênios, que nascem poucos no mundo. Ele ultrapassa qualquer barreira da música, une o erudito e o popular de uma forma única, sensível, completa. Esta entrevista nós fizemos lá nos jardins da gravadora Biscoito Fino, no bairro Humaitá, aqui no Rio de Janeiro, na época em que ele tinha acabado de sair dos estúdios de gravação do seu último disco, “Casa Forte”, tocando Edu Lobo, incluindo várias inéditas. Durante a gravação, Senise nos deu várias “palas” e contou o caminho meio na contramão que o fez dedicar-se à música e aos instrumentos de sopro. Só mesmo muita dedicação. Confira o por que e muitas outras histórias neste Andante imperdível!

Mauro Senise – entrevista Programa Andante – Parte 1: http://www.youtube.com/watch?v=dJPbAbpus50

Mauro Senise – entrevista Programa Andante – Parte 2:
http://www.youtube.com/watch?v=LrrIpioMggU

Mauro Senise – entrevista Programa Andante – Parte Final:

**programa exibido em 19/09/2006

sexta-feira, 23 de novembro de 2007

O Samba Perfeito de Arlindo Cruz

Ele é um dos compositores de samba mais importantes do Brasil e no partido alto é um versador de primeira. Grande conhecido no mundo dos bambas, Arlindo Cruz marca presença no Andante. Fomos encontrá-lo na Fnac da Barra, para bater este papo antes do pocket show do lançamento de seu disco por lá, em novembro. Influenciado pelo pai, que foi policial e também grande parceiro de Candeia, Arlindo começou a tocar ainda criança, quando ganhou seu primeiro cavaquinho. Mas ganhou depois de roubar muitas vezes o instrumento do pai, que como ele nos contou, deixava o cavaquinho no alto do armário para o filho não pegar. Mas foi mesmo no Cacique de Ramos que conheceu grandes nomes como: Jorge Aragão, Luiz Carlos da Vila, Beth Carvalho, Beto sem Braço, Bira, Ubirani, Almir Guineto...Foi lá também que nasceu o Fundo de Quintal, um dos grupos mais importantes do nosso samba, no qual tocou por muitas madrugadas, fez mais de duas mil gravações e claro, deixou a marca registrada do banjo, afinal, ele foi um dos responsáveis por inserir no samba. Após 12 anos no grupo, lançou seu primeiro disco solo. Depois disso compôs muitos sucessos sozinho e com parceiro Sombrinha. Lançando o "Sambista Perfeito", primeiro disco de musicas inéditas depois de alguns anos sem gravar disco solo, Arlindo nos presenteia com pérolas como "Meu Lugar", um tributo a Madureira, "O que é o amor", com sua esposa Babi (samba resposta ao Será que é Amor) e "Sambista Perfeito". Além de contar com participações especiais de Zeca Pagodinho, Marcelo D2, Maria Rita, Velhas Guardas da Portela e do Império Serrano. Vale lembrar que o samba-enredo da Grande Rio do carnaval 2008 leva a assinatura de Arlindo Cruz (o enredo fala sobre gás), mas o que a gente queria mesmo é que ele fizesse um daqueles sambas memoráveis do Império Serrano...mas, de qualquer maneira, gosto é gosto e sorte pra ti Arlindinho!

**programa exibido em 27/11/07
***Em breve aqui no blog...

quinta-feira, 22 de novembro de 2007

Nadinho da Ilha: uma história de bamba

Pela história de Nadinho da Ilha passaram nomes que fazem parte de um enredo bem carioca: a história do samba. Quando ele tinha 12 anos, o grandioso Geraldo Pereira lhe puxou pelas mãos e fez soar o toque de um tamborim que viria pra ficar. Sem esquecer que ele é sobrinho do Nilo Chagas, do Trio de Ouro, de Herivelto Martins e Dalva de Oliveira. E deu samba...dos melhores! Nadinho traçou o próprio caminho recheado de parcerias, discos e prêmios. É um estandarte de ouro do nosso samba. E ele é um daqueles que, cheio de talento, sempre esteve na hora certa e no lugar. Uma dessas histórias, por exemplo, é como ele tocou durante 8 anos com Heitor dos Prazeres. Se você não o conhece, aproveite e assista a entrevista que mostra um Nadinho da Ilha bem humorado, cheio de emoção e boas histórias para contar, além da sua voz que continua poderosa no alto de seus mais de 70 anos. Mas se você já é fã, aproveite o momento para relembrar grandes sambas de Geraldo Pereira. A entrevista foi gravada no paradisíaco Parque das Ruínas, com inspiração da cidade maravilhosa saltando aos nossos olhos e um pôr-do-sol especial.

Nadinho da Ilha - entrevista Programa Andante - Parte 1:
http://www.youtube.com/watch?v=smVSA8SY5_M

Nadinho da Ilha - entrevista Programa Andante - Parte 2:
http://www.youtube.com/watch?v=95CZ6u95PSI

Nadinho da Ilha - entrevista Programa Andante - Parte Final:

http://www.youtube.com/watch?v=1W-7Pku5jMA

**programa exibido em 13/02/2007

domingo, 11 de novembro de 2007

Acordeon arretado de Chico Chagas

Neste Andante fomos até a Fundição Progresso, na Lapa carioca, para trocar dois dedos de prosa com o acordeonista e pianista Chico Chagas. Ele, que nasceu em Rio Branco, no Acre, prova que a música não tem limite, não tem barreiras. Em sua bagagem traz, além da participação em discos e presença garantida em palcos de grandes nomes da música nacional como Paulo Moura, Carlos Malta, Naná Vasconcelos, Cássia Eller, Maria Bethânia, Adriana Calcanhoto e Elza Soares, uma história de muito empenho e dedicação à música brasileira. Esse homem é de ouro! Fala Chico!

Veja lá, é só clicar:

Chico Chagas - entrevista Programa Andante - Parte 1: http://www.youtube.com/watch?v=ClCQcjOMBd4

Chico Chagas - entrevista Programa Andante - Parte 2:
http://www.youtube.com/watch?v=VSipLro0Ke4

Chico Chagas - entrevista Programa Andante - Parte final:
http://www.youtube.com/watch?v=CIN0JL_ozkk

***programa exibido em 20/03/2007

segunda-feira, 5 de novembro de 2007

Conheça os Andantes..

Verônica Dalcanal - coodenadora de produção deste e de mais inúmeros programas..
Priscila Steffen - diretora, apresentadora e editora
Yasmine Saboya - roteirista de primeira!
Fábio Fausto - editor e quebra galho de muitos pepinos
Ana Luiza Rêgo - assistente de produção
Rômulo Collopy - estagiário pau pra toda obra!
Otávio Evangelista - cinegrafista
Guapi Góis - coordenação da técnica

Esta é a pequena grande equipe do Andante, que irá mostrar todos os caminhos que levam à boa música brasileira, aqui, neste modesto blog!

Nós fazemos o programa no Centro de Tecnologia Educacional da UERJ (Universidade do Estado do Rio de Janeiro).

domingo, 4 de novembro de 2007

O novo samba antigo de Teresa Cristina

Portelense, vascaína, e filha de Oxum, a cantora e compositora Teresa Cristina, falou, no Andante em junho de 2006, sobre o início da carreira, com seus fiéis companheiros do Grupo Semente, que começou a partir de uma idéia para fazer um trabalho em homenagem a Candeia.

Passando pela infância, na Vila da Penha, subúrbio do Rio de Janeiro, pela ligação com a Lapa - apesar da vontade de fazer mais shows pelo Brasil afora - e pelo contato cada vez mais forte com a Portela, Teresa conta como encara as críticas à sua timidez, e a mistura de medo e fascínio pelo mar, tema recorrente em suas composições.

Encerrando o programa, dá três ótimas dicas: a cantora Jussara Silveira, seus “afilhados” do grupo Casuarina, e o trabalho solo de Pedro Miranda, seu parceiro do Grupo Semente.

E de recheio, claro, muita música do DVD lançado em 2006 pela Deck Disc - "O mundo é meu lugar". Vale assistir! Este vídeo já está no YOUTUBE! Está dividido em três partes, é só começar e curtir a música:

Teresa Cristina - Programa Andante - Parte 1 :
http://www.youtube.com/watch?v=nZNzo5pzsQg

Teresa Cristina - Programa Andante - Parte 2 :
http://www.youtube.com/watch?v=LvCMyxwSnJM

Teresa Cristina - Programa Andante - Parte Final :
http://www.youtube.com/watch?v=jm5YzUKxC8o

sábado, 3 de novembro de 2007

Francis Hime dispensa apresentações...

Em entrevista na própria casa, no Jardim Botânico, zona Sul do Rio de Janeiro, ele contou sobre sua parceria com Vinícius de Moraes, a primeira música que fizeram juntos. Também falou sobre a linda Sinfonia do Rio de Janeiro, que nós fizemos questão de ilustrar! Está imperdível. Hime revelou também que estava preparando uma ópera agora para 2007, e muitas outras histórias. Vale a pena conferir este bate-papo. Eis aqui um registro da nossa música brasileira. Ele nos recebeu muito bem em sua casa, no Jardim Botânico.

Francis Hime - entrevista Programa Andante - Parte 1:
http://www.youtube.com/watch?v=v1qenu8OcgY

Francis Hime - entrevista Programa Andante - Parte 2:
http://www.youtube.com/watch?v=RCa0psyWfDA

Francis Hime - entrevista Programa Andante - Parte final:
http://www.youtube.com/watch?v=40zPlh5gv6k

sexta-feira, 2 de novembro de 2007

Sambas memoráveis de Marcos Sacramento

O repertório de Marcos Sacramento revela a intensidade de sua obra. Sambas antigos com cara de novo, descobertas, redescobertas. Marcos Sacramento diz que é um artista de MPB, mas deixa clara sua paixão pelo samba. Nesta entrevista ao programa Andante, ele mostra de onde vem a força de seu trabalho como intérprete. Com 25 anos de carreira, o cantor declara a preferência pela interpretação apesar te ter um tímido (e excelente) trabalho como compositor. Sacramento já lançou seus discos no exterior, onde faz shows pelo menos uma vez ao ano (em tempo: estive em Paris no último mês e no primeiro dia passei por um bar muito bacana que tinha o cartaz do show do Marcos, que tinha sido dois dias antes!). No palco ou no áudio, Marcos Sacramento conquista e cativa o público. Acesse os links e assista a entrevista!

Marcos Sacramento – entrevista Programa Andante – Parte 1:

Marcos Sacramento – entrevista Programa Andante – Parte 2:
http://www.youtube.com/watch?v=b0yL922N9wY

Marcos Sacramento – entrevista Programa Andante – Parte final:
http://www.youtube.com/watch?v=himxS0kQH8E

ps.: programa exibido em 25/07/2007

quinta-feira, 1 de novembro de 2007

Mãos talentosas e melodias delicadas de Cristina Braga

A convidada do Andante que foi ao ar dia 18/09 é a grande harpista Cristina Braga, uma das maiores referências da harpa no Brasil. Numa conversa em sua casa, na Tijuca, no Rio de Janeiro, ela contou como começou a paixão por esse instrumento um tanto peculiar, sobre o ingresso como solista na Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal do RJ e sobre a carreira no exterior.

Cristina iniciou os estudos na Escola Nacional de Música da UFRJ, onde se graduou em harpa. Hoje, Cristina Braga tem 13 discos gravados, além das trilhas sonoras dos filmes Tieta e Orfeu no Carnaval. É uma das diretoras do Congresso Mundial de Harpas e também a primeira harpista da Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal do Rio de Janeiro.

A simpática compositora, além de tocar grandes obras da música clássica, também tem uma forte ligação e identificação com a MPB. Ao longo de sua carreira esteve em palcos de grandes shows e gravações, diversos artistas como Nara Leão, Ângela Maria, Moreira da Silva, Lenine, Ana Carolina, Quarteto em Cy, Zizi Possi e Titãs. A voz e a melodia de Cristina trazem a harpa para o universo do samba, da bossa e de outros ritmos.

É ouvir para se apaixonar pela harpa e delicadeza desta genialidade da nossa música!

Cristina Braga - Programa Andante - Parte 1:
Cristina Braga - Programa Andante - Parte 2:
http://www.youtube.com/watch?v=W8sulpk6vK0

Cristina Braga - Parte Final:

Violino pra lá de brasileiro de Nicolas Krassic

Nicolas Krassic parece mais brasileiro que muitos brasileiros, tamanha sua paixão pela nossa terrinha. Ele já mostra isso no jeito de falar, de contar histórias principalmente quando ele largou tudo e veio morar no Rio de Janeiro, tocar violino e sentir a alma brasileira. E conseguiu. Agora ele, que é considerado por muitos de seus colegas um gênio da música, figura nos palcos de gente como Beth Carvalho, Yamandu Costa, Nelson Sargento, Monarco. E diz com o sotaque chiado característico dos cariocas que só volta pra França se for obrigado, que quer mesmo é sempre continuar no Brasil. E nós queremos que ele fique sempre por aqui! Confira as três partes da entrevista.

Nicolas Krassic - entrevista Programa Andante - Parte 1:
http://www.youtube.com/watch?v=H0ObZ56sRGc

Nicolas Krassic - entrevista Programa Andante - Parte 2:
http://www.youtube.com/watch?v=s6LJmRIrkw0

Nicolas Krassic - entrevista Programa Andante - Parte Final 1a:
http://www.youtube.com/watch?v=UCPzUz7wicg

Nicolas Krassic - entrevista Programa Andante - Parte Final 1b:
http://www.youtube.com/watch?v=kAsf5EGIwJk

**programa exibido em 14/11/2006

quarta-feira, 31 de outubro de 2007

Andante também está no Orkut


Se você está no Orkut, pode entrar na comunidade do Andante: http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=39268209





terça-feira, 30 de outubro de 2007

Luis Carlinhos - Rapa da Panela

Luis Carlinhos é um cara sensível. Um rapaz que sabe o que quer e o que está fazendo. Isso ficou bem claro quando fui entrevistá-lo na Modern Sound, em Ipanema, quando ele há pouco tinha chego de uma viagem para o Líbano, para fazer música, arte. Já conhecia o trabalho dele desde quando eu morava em Curitiba, dos tempos de adolescente, do reggae, mas muito bem feito, que faz os fãs ficarem nostálgicos até hoje: era o Dread Lion. Jamais imaginei que mais de 10 anos depois, eu estaria entrevistando o Luis Carlinhos e, claro, ver como o trabalho amadureceu, tomou forma. Mas lá eu já sabia que iria longe. E aqui está! Aproveite para conferir o trabalho deste cantor, compositor (e ator! ele está há dois anos na turnê da peça "Cócegas" com Heloísa Perissé e Ingrid Guimarães). Estas e muitas histórias você confere agora.

Aliás, visitem o site dele, é de muito bom gosto: http://www.luiscarlinhos.com.br/


Vou andando...


Luis Carlinhos - entrevista Programa Andante - Parte 1:
http://www.youtube.com/watch?v=nOlMXEzexDo

Luis Carlinhos - entrevista Programa Andante - Parte 2:
http://www.youtube.com/watch?v=diWWQ9Ypv5A

Luis Carlinhos - entrevista Programa Andante - Parte final:
http://www.youtube.com/watch?v=nZNzo5pzsQg